Uni-versos
Somos um tempo limitado de ventos que se batem diante
CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
Livros à VendaLivros à Venda
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Correntes à deriva

Vinculada dor e sorte
Desatinado norte incerto
Paralisado mundo
Abismo inquieto

Caminhando sobre pedras
Desvendando mistérios
De corpulentas correntes de água doce
Entre os sulcos de pedras-deusas
Que meditam infinitamente
 
Pequenos octópodes mordiscam os dedos
Hexápodes de micro-bicos sugam sangue
Empelotando a tez lodosa
Nas águas da borbulhante cachoeira 
 
Limpa os pés no musgo da pedra
Refletindo o destino ao acaso
E sua relação com o universo
O que de Souza
Enviado por O que de Souza em 24/01/2017
Alterado em 17/03/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários